Apicultura no Manguezal

No projeto Goiamum, catadores de caranguejo da comunidade de Gameleira da Barra Nova são capacitados com técnicas de apicultura em manguezal e, ao final, recebem até certificados. As abelhas são capturadas do mangue com macacão, máscara, luva e pó de serra e depois são tratadas com todo o carinho. O cultivo de abelhas e o mel proveniente delas se torna uma alternativa de renda para as famílias que dependem do mangue durante a época de reprodução do caranguejo, além de ser uma forma de cuidado e preservação do local.

Confira o vídeo com a reportagem sobre a prática: https://globoplay.globo.com/v/1862245/

Responsável: Instituto Goiamum

Local de implementação: Gameleira da Barra Nova

Contato

Telefones: (27) 3238-9301 / 9998-14037 /

Endereço: Avenida Augusto Ruschi, 1554 - Balneário de Carapebus - Serra (ES)

Site: http://www.goiamum.org.br/

E-mails: ibere@goiamum.org.br

Descrição

O Instituto Goiamum é uma OSCIP dedicada principalmente à proteção dos manguezais com a colaboração das pessoas que vivem de seus recursos. Além de ajudarmos com a organização comunitária, estimulamos a prática da coleta sustentável, organização de seus resíduos e promoção de uma série de atividades econômicas sustentáveis. Dentre elas, a apicultura tem se mostrado a mais aceita e produtiva. Assim, um grupo é selecionado e treinado tendo como instrutor um agente ADR (apicultor-instrutor) que, além de ministrar as aulas do curso de apicultor, acompanha o grupo nos mangues quinzenalmente até sua formatura, em um ano.

Objetivos

Além de promover segurança ao usuário do manguezal, o objetivo é oferecer uma alternativa de renda às famílias que vivem dos recursos dos manguezais de forma sustentável, especialmente nas épocas de proibição da cata (Defeso) e outros eventos que dificultem seu trabalho.

Público-alvo

Catadores de caranguejo e pescadores artesanais que vivem dos recursos dos manguezais

Resultados

Inicialmente, o resultado esperado era que cada participante pudesse auferir uma média de R$ 800,00 por mês praticando apicultura por cerca de dois dias por mês. No entanto, após 3 anos de projeto, muitos conseguem até R$ 2.400,00 (média mensal) e alguns até abandonaram a cata de caranguejo e se dedicam agora muito mais à apicultura.

Arquivos

Temas