Clínica Ambiental – Projeto de reparação socioambiental

Na região amazônica da fronteira entre Equador e Colômbia, os problemas que atingem a população local não são menores: extrativismo petroleiro, contaminação da natureza, violência social. O sistema Wiphala da Clínica Ambiental é uma mostra fiel de que é factível mudar a realidade a partir de sua própria vida, começando processos e transformações ao seu alcance, sem ignorar ao mesmo tempo problemas de maior calibre.

Confira mais informações sobre esta prática no site do Almanaque do Futuro: https://almanaquedelfuturo.files.wordpress.com/2017/05/almanaque-del-futuro-14-web.pdf

Responsável: Acción Ecológica

Local de implementação: Amazônia equatoriana

Contato

Site: http://www.accionecologica.org/

E-mails:

Descrição

A Clínica Ambiental promove oficinas com as comunidades da Amazônia equatoriana, que vão desde trabalhos psicológicos, medicinais e preventivos até a construção de fontes de energia renovável e de modelos de desenvolvimento e organização das comunidades. Uma destas iniciativas é o Bosque Comestível, onde se desenvolveu um projeto de agricultura comunitária, diversificando a alimentação das comunidades ao mesmo tempo em que introduzia uma nova atividade produtiva.

Objetivos

Desenvolver e implementar um sistema de reparação socioambiental integral e alternativo para as comunidades da Amazônia equatoriana.

Público-alvo

População local, povos originários

Resultados

Do projeto da Clínica Ambiental nasceu, fruto do trabalho coletivo, o sistema Wiphala (em alusão à bandeira dos povos originários do Abya Yala) que incorpora os níveis pessoal, familiar e comunitário, buscando construir relações através de conhecimentos, habilidades e atitudes, incluindo a produção, comercialização e energias, abarcando também a participação, organização, meio ambiente e convivência comunitária.

Temas