Água e Cidadania no Semiárido

Projeto de construção de cisternas “Água e Cidadania no Semiárido” viabiliza a construção de cisternas na Bahia. Iniciativa da ASAMIL – Associação do Semiárido da Microrregião de Livramento, o projeto realizou a construção de 2.880 cisternas em 11 municípios (Livramento de Nossa Senhora, Dom Basílio, Malhada de Pedras, Guajeru, Caraíbas, Rio de Contas, Piatã, Abaíra, Ibipitanga, Ibitiara, Paramirim). além de atividades de educação não formal com a população das comunidades.

Responsável: Associação do Semiárido da Microrregião de Livramento (ASAMIL)

Local de implementação: 11 municípios da microrregião de Livramento

Contato

Telefones: (77) 3444 5314 /

Endereço: Avenida Presidente Vargas, 140 - Sala 104 - Centro

Site: https://www.facebook.com/asamil.org/

E-mails: contato@asamil.org

Descrição

A ASAMIL – Associação do Semiárido da Microrregião de Livramento é uma organização da sociedade civil que dedica suas atividades à promoção do desenvolvimento econômico e social e combate à pobreza, com foco na convivência com o semiárido em 20 municípios da região de Livramento, na Bahia. As experiências continuadas e fortalecidas em mais de 5 anos de existência da ASAMIL são variadas e ricas, abrangendo áreas técnicas multidisciplinares, como administração, cultura, educação, social, econômica e ambiental.

Dentre os vários projetos realizados pela Associação, destacamos o de construção de cisternas “Água e Cidadania no Semiárido”, realizado entre janeiro de 2012 e janeiro de 2013, que incluiu atividades de educação não formal e a construção de cisternas. Neste projeto, foram desenvolvidas atividades de educação não formal, de caráter continuado, no processo de gestão e construção de cisternas de placas, treinando, habilitando e acompanhando 20 pedreiros de comunidades diversas no meio rural na construção de 2.880 cisternas em 11 municípios da Bahia (Livramento de Nossa Senhora, Dom Basílio, Malhada de Pedras, Guajeru, Caraíbas, Rio de Contas, Piatã, Abaíra, Ibipitanga, Ibitiara, Paramirim). O projeto foi financiado pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (SEDES) e Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (MDS) e teve duração de um ano.

Para viabilizar esse e seus outros projetos, a Associação participa da Comissão Gestora das Águas dos Açudes Luis Vieira e Riacho do Paulo pertencentes ao DNOCS; acompanha, desde 2005, 220 famílias de sem-terra na comunidade da Barrinha, do município de Livramento de Nossa Senhora; realiza, desde 2004, parcerias com as diversas lideranças comunitárias de todos os 20 municípios de sua microrregião para capacitação em gerenciamento de recursos hídricos das famílias beneficiadas com as cisternas, fazendo mobilizações sociais de melhoria da convivência com o semiárido e outras diversas ações inerentes aos seus objetivos estatutários.

Para ver os outros projetos da Associação, acesse: http://asamil.org/projetos.

Objetivos

Construção de cisternas para contribuir na construção de alternativas para o desenvolvimento do semiárido e o fortalecimento das organizações da sociedade civil, com foco na microrregião de Livramento (BA).

Público-alvo

Cooperativas, famílias e pessoas que vivem em região de clima semiárido

Resultados

Foram formados 20 pedreiros de comunidades diversas em 11 municípios no meio rural da Bahia, resultando na construção de 2.880 cisternas. Na percepção da Associação, as colaborações e apoios conquistados nos municípios da microrregião de Livramento de Nossa Senhora consolidam-na para dar novos e seguros passos e adotar novas e melhores maneiras de ação em prol de maiores proveitos para seu público-alvo.

Imagens

Temas