Prestar contas

A prestação de contas por parte das autoridades públicas que cumprem os protocolos de transparência é, muitas vezes, o resultado da pressão perseverante exercida por setores dinâmicos da sociedade civil no contexto local, e é, por vezes, o único caminho viável para alcançar a qualidade nos serviços públicos.

Confira mais informações sobre esta prática no site do Almanaque do Futuro (em espanhol): https://almanaquedelfuturo.files.wordpress.com/2017/05/almanaque-del-futuro-13-web.pdf

Responsável: Corporación para el Desarollo de la Provincia Vélez

Local de implementação: Província de Vélez

Contato

Site: https://www.coprovel.com/

E-mails: director@coprovel.com

Descrição

Em 2010, teve inicio em Vélez a construção de uma visão do futuro em que a sociedade civil poderia ter uma opinião sobre a cidade que queriam para o ano de 2039, data de aniversário dos 500 anos de Vélez. Esta iniciativa, promovida pela Corporación para el Desarrollo de la Provincia Vélez (Corporação para o Desenvolvimento da Província de Vélez), ONG que conta com o apoio da “Pão para o Mundo”, visualizou tanto os sonhos quantos as queixas da população da província. Foram apresentadas mais de 500 propostas e reivindicações diferentes, frutos da contribuição de 1820 pessoas (cerca de 10% da população municipal) sobre vários assuntos, destacando os cuidados de saúde, o abastecimento de água potável e a falta de espaço recreativo. A fim de acompanhar essa visão e ajudar na sua implementação, foram formadas diferentes mesas cidadãs, com destaque para a mesa urbana.

Objetivos

Organizar a sociedade civil da província de Vélez, na Colômbia, para cobrar das autoridades o uso do dinheiro público e construir propostas de desenvolvimento para a região, pensadas a partir da visão comunitária.

Público-alvo

Comunidades de bairros, mulheres

Resultados

Os membros da mesa, principalmente mulheres, sentem que conseguiram obter algumas vitórias mas sabem que a batalha não está completa. Os serviços hospitalares melhoraram, mas não completamente. A barragem que estava sendo construída na cidade e criando problemas para o acesso da população à água foi finalmente concluída, porém sem saber quando, finalmente, haverá água potável 24 horas por dia em Vélez. O atual prefeito, ao contrário de seus predecessores, entrou em um diálogo mais construtivo com cidadãos organizados. O gabinete do prefeito começou a servir grupos de 30 famílias afetadas, uma vez que suas casas foram destruídas por movimentos tectônicos, sem a intervenção da mesa urbana. Essas mudanças mostram que uma maior interação entre a administração pública e a sociedade civil está sendo alcançada lentamente. Com isso, nem a corrupção nem a política nos níveis local e regional desapareceram, mas são passos de esperança para uma cultura de instituições públicas mais plenas e menos afastadas da sociedade.

Video

Temas